sexta-feira, março 18, 2005

O anuncio da escarreta

Gosto de Macau pela mesma razao que gosto de muamba a acompanhada com vinho. Gosto de Macau porque sou apologista das misturase das mesticagens. Gosto de Macau pela mesma ordem de razoes porque prefiro o criolo a gramatica francesa e tal como tempero o cozido a portugesa com jindungo. Gosto de Macau, porque aqui nada esta fechado numa determinda forma e a cultura nao e unica nem (ainda menos) universal ou globalizante. A contradicao e ordem mas resulta sempre em harmonia.
Exemplos???
O crime organizado e muito forte em Macau e por isso e um territorio muito seguro. Outro exemplo: Os templos sao enormes e muito frequentados mas mesmo dentro do templo ha tipos a jogar a moeda. Mas para mim o melhor exmplo de todos e o anuncio da escarreta: os taxis tem todos pequenas televisoes onde vao passando filmes turistico sobre Macau. Entre os filmes passam anuncios de restaurantes hoteis e casinos. Um destes anuncios e uma devertencia do governo com uma multa de 500 patacas (dez contos) para quem for apanhado a cuspir para o chao e o mais giro e que o anunciop mostra mesmo um tipo -- um chines -- a puxar uma granda escarreta, a mandar a lasca pro chao e a ser multado. Lindo.

8 Comments:

Anonymous Anónimo said...

os taxis portugueses podiam seguir o mesmo exemplo. e ate podiam criar tb um anuncio sobre o habito de cocar os testiculos....
blimunda

08:38  
Blogger Ze da Penalva said...

As crónicas de Macau, são frescas com ritmo e sentido de humor embora com 2 ligeiros detalhes a melhorar (digo eu).
O primeiro é esse ritual da javardice mesmo quando não vem a propósito, o segundo é o facto desse gosto pela mestiçagem te estar a chegar ao código da palavra. Eu sei que o teclado não tem acentos, mas nalgumas palavras a liberdade é tanta, que receio que só possa ser lida nalgumas esquinas do Alto Seixalinho.

PS- O Mandela ainda não deixou de ladrar aos pedreiros.

10:19  
Blogger Unknown said...

Só falta um autocolante colado no vidro do taxi a avisar que o deve abrir antes de se projectar o muco brônquico...

10:26  
Blogger Ze da Penalva said...

Eu bem me esforço, mas olha a minha família!
Os filhos são o que são!
Olha agora os genros!
Uma quer anunciar o bilhar de bolso, outra fala-me do muco brônquico. Ahg!

10:43  
Blogger Unknown said...

Trata-se sobretudo de um exercíco de multiculturalidade - em Roma sê romano - e no cóco ranheta e facada... sê... ....falha-me agora o termo preciso, mas a ideia traduz uma síntese dinâmica entre um certo vernáculo ajabardante e o calão impúdico. Tudo, claro em nome de um multi-etnismo mesticionário de cariz internacionalista, pois sim, mas cariz popular, porra!

14:14  
Anonymous Anónimo said...

Agora vejam lá onde eu estou metida, ele é filhos nora e genro tudo virado para a javardeira.
Cuidado não apanhem com uma dessas doses de muco nas trombas!!!.
Até que enfim encontro qualquer gosto em comum com o meu filho. Quando eu era jovenzinha também tinha um grande fascinio pelo oriente.

A "mãezinha".
PS - hoje fui fazer festinhas ao Mandela que estava muito carente e levei-lhe uma salsicha para cão, para a avó lhe ir dando aos bocadinhos, pois pesa 1 Kg. Acho que ele ficou um pouco mais calmo.

17:04  
Blogger CM said...

Zé da Penalva e mm, uma vez mais - desculpem lá, a vossa família até nem é assim de origem, foram as más companhias que os estragaram. Eu assumo a minha parte de culpa..Beijos!!!!

17:58  
Anonymous Anónimo said...

Nach meiner Meinung Sie haben betrogen, wie des Kindes. levitra vs viagra vs cialis levitra rezeptfrei bestellen [url=http//t7-isis.org]levitra online[/url]

15:19  

Enviar um comentário

<< Home

Flatulências a partir de 28/01/2006